Imponente e com uma presença marcante, a raça Rottweiler foi originalmente criada para conduzir o gado na Alemanha.

O Rottweiler é forte, verdadeiro e tem um coração amoroso.

Sua genética lhe proporciona um largo peitoral e corpo bastante musculoso.

O Rottweiler precisa receber adestramento e socialização desde filhote, pois pode se tornar agressivo devido ao seu temperamento superprotetor.

São cachorros ativos, tem muita energia e adoram correr.

Esta raça é encontrada em apenas uma cor característica, que é o preto e canela.

Perfil da Raça Rottweiler

Grupo: Trabalhadores.

Tamanho: a raça Rottweiler é considerada de tamanho grande.

Altura: Os machos podem ter em torno de 70 centímetros de altura, e as fêmeas chegam ao máximo de 63 centímetros.

Peso: Para os machos o peso médio vai de 50 a 60 quilos, já para as fêmeas o peso médio varia de 35 a 48 quilos.

Expectativa de vida: de 8 a 12 anos anos.

 

Destaques da Raça Rottweiler

Rottweilers Podem se Tornar Super Protetores

Essa raça ama as pessoas e gostam de estar juntos da sua família.

Por gerações foram criados para usar seus instintos protetores.

Para proteger territórios ameaçados, o Rottweiler possui forte senso de julgamento.

Esta característica sempre foi muito aproveitada para desenvolver trabalhos ao longo do tempo, sejam eles na criação de gado ou como cães policiais.

 

O Rottweiler Precisa de Adestramento e Socialização Desde Filhote

Essa raça, grande e imponente, exige uma ampla socialização e adestramento desde filhotes.

Rottweilers são inteligentes e altamente capazes de absorver tudo o que você ensiná-lo.

Comece a adestrar o seu cachorro Rottweiler no dia em que você o levá-lo  para casa.

Não espere até que ele tenha 6 meses de idade para começar a adestrar.

Se possível, comece a socialização antes do período de 10 a 12 semanas.

Para isso, tome precauções para evitar certas doenças, faça antes as vacinas que o médico veterinário recomendar.

 

Rottweilers Têm Tendência a Obesidade

Por ser uma raça forte e musculosa, os requerimentos nutricionais são maiores.

Porém, também há necessidade enorme de gasto energético.

Se não monitorado, com alimentação regular e exercícios regulares, o Rottweiler pode ganhar peso e ficar obeso.

Geralmente, em torno de 10 a 20 minutos ao dia de exercícios, já ajudam a manter sua forma.

 

Rottweilers Precisam de Espaço

Esta raça não vive bem em apartamentos.

O rottweiler precisa de um bom espaço, onde ele possa correr e se exercitar, para viver.

 

A Raça Rottweiler Não é Para Qualquer Pessoa

A maioria dos Rottweilers estão inclinados a serem dominantes.

Por isso, eles vão testar a posição na ordem familiar.

Então, o tutor de um Rottweiler precisa ser assertivo e saber como dominar um cachorro forte.

Por isso também não é recomendado para tutores de primeira viagem.

 

História da Raça Rottweiler

Acredita-se que a raça Rottweiler formou-se a partir de cachorros romanos (Molossus – ancestrais do Mastiff) que conduziam os rebanhos juntamente com o próprio exército romano.

Durante a conquista da Europa antiga, por volta de 73 d.C., esses cachorros acompanhavam os romanos na região de Wurtemberg, na Alemanha.

É provável que os cachorros Molossus tenham cruzado com cachorros destes locais, dando origem a raça.

Neste território, o exército se estabeleceu e, logo mais, essa região cresceu e foi chamada de ‘’Das Rote Wil’’ que significa “telhas vermelhas” – uma característica das construções do local.

Em seguida, a cidade das habitações romanas com telhados vermelhos evoluiu para o nome de “Rottweil” – que deu origem ao nome “Rottweiler”.

Durante a Idade Média, o Rottweiler foi usado para a caça e, posteriormente, para conduzir e proteger o gado.

Sabe-se que para este propósito, os cachorros Rottweilers precisavam ser fortes e robustos, pois, muitas vezes tinham que proteger e conduzir o gado durante a noite.

E isso significava que ele precisava controlar o gado evitando que algum se desviasse, lidar com touros perigosos e também longas distâncias.

Essas características, tanto a aparência como o temperamento,  remetem ao Rottweiler que conhecemos hoje.

Ao longo dos séculos, a cidade de Rottweil, se tornou grande no mercado de carnes. Além da criação de gado, estabeleceram-se muitos comércios de carnes.

A este ponto, os cachorros Rottweilers eram utilizados para o trabalho de levar o gado para o abate e depois, puxar os carrinhos cheios de carne.

*Curiosidade: acredita-se, que para manter o dinheiro do comércio de carnes a salvo dos ladrões, os criadores de gado colocavam suas bolsas cheias ao redor do pescoço dos Rottweiler quando voltavam para casa.

Esta raça foi se tornando conhecida como “Rottweil Butcher’s Dog” (Cachorro do Açougueiro de Rottweil)  e, mais tarde, isso foi encurtado para Rottweiler.

No século XIX proibiram por lei que os cachorros conduzissem o gado. E eles eram apenas utilizados para trabalhar puxando os carrinhos de carne.

Então, a cidade evoluiu e as ferrovias chegaram, e o Rottweiler quase se tornou extinto.

Sua história começou a mudar por volta de 1900, quando o primeiro Clube do Rottweiler foi criado e o primeiro padrão da raça foi produzido.

A partir daí, muitos Clubes foram fundados com a intenção de resguardar a pureza da raça, organizando os registros de produção, mantendo o padrão e preservando suas qualidades de trabalho.

Um destes clubes, Allgemeiner Deutscher Rottweiler Klub (ADRK) contribuiu enormemente para a melhoria da raça, promovendo bons programas de melhoramento na Alemanha e em todo o mundo.

O padrão da raça, tanto a aparência quanto o caráter,  mudou muito pouco graças a estes esforços para manter sua pureza.

Após a Segunda Guerra Mundial, a raça começou a se tornar ainda mais popular, eles ficaram conhecidos, principalmente, como cachorros extremamente obedientes.

Os Rottweilers começaram então a trabalhar como cachorros policiais.

O auge da popularidade de Rottweiler foi em meados da década de 1990, quando seus registros bateram recordes em todo o mundo.

Infelizmente, alguns criadores mal intencionados e a falta de informações a respeito de como lidar com a raça, tornaram o Rottweiler um cachorro perseguido.

As pessoas começaram a ter problemas com seu temperamento, o que levou a raça a ter uma popularidade muito ruim.

Devido a esta situação, a demanda pela raça diminuiu drasticamente.

Hoje em dia, os registros de Rottweiler são muito baixos, porém, a raça voltou a ser aceita pelas pessoas.

 

Personalidade da Raça Rottweiler:

A longo do tempo, os Rottweilers alcançaram uma reputação, erroneamente, de cachorros agressivos.

Apesar de muitas pessoas acreditarem nisso, esta não é sua verdadeira natureza.

Esta raça é calma, confiante e corajosa, os cachorros Rottweilers nunca são tímidos.

São incrivelmente leais e protegerão sua família sem medo – mas precisarão ser treinados para isso.

Quando treinados adequadamente, socializados e exercitados a partir da infância, Rottweilers serão calmos e companheiros.

Com suas famílias, eles são afetuosos, muitas vezes seguindo-os pela casa, são brincalhões, porém não são facilmente excitáveis.

Os Rottweilers são cachorros muito cautelosos, e as pessoas, muitas vezes vêem isso como sinais de possíveis ataques.

Mas estes traços estão em sua história, uma vez que foram criados para serem cachorros de guarda.

Portanto, com estranhos são reservados, e sempre tomam tempo para analisar a situação, mas nunca são agressivos.

Apesar disso, a criação indiscriminada desta raça, fez com que muitos Rottweilers possuam linhas tênues em seu temperamento.

Por isso é muito importante investigar os pais antes de comprar ou adotar um Rottweiler.

A agressão não é uma tendência natural de Rottweiler, e qualquer criador que reivindique o contrário deve ser evitado.

São cachorros inteligentes e aprendem facilmente quando adestrados, mas podem ser um pouco teimosos.

Os machos são mais silenciosos, e sempre estão em alerta, avaliando constantemente seus arredores para ameaças.

As fêmeas são um pouco mais fáceis de controlar e podem ser mais afetuosas.

Na questão do adestramento, o Rottweiler necessita de disciplina, forte e consistente.

É preciso estabelecer uma relação de liderança, do tutor sobre o animal, pois o Rottweiler tem tendência a dominar, e pode querer intimidar o tutor.

Para ganhar respeito de um Rottweiler, você precisa definir fronteiras e ensinar que comportamentos inadequados têm consequências.

Para isso é necessário tempo e paciência, assim como eu já te disse acima, é preciso consistência na disciplina.

Ganhar o respeito de Rottweiler envolve a definição de fronteiras e o ensino de consequências para comportamentos inadequados, que levam tempo e paciência.

Finalmente, a respeito de sua personalidade,  tenha em mente que a forma como o seu Rottweiler desenvolverá seu temperamento vai depender muito mais da forma como você conduz sua criação.

Adestramento, treinamento de obediência e socialização tem muito mais peso que herança genética.

 

Saúde do Rottweiler: Veja os Pontos Críticos

Os problemas de saúde que estão listados abaixo são para que você possa saber quais problemas o seu Rottweiler está propenso a contrair.

Assim como nós humanos, os animais, também tem potencial para herdar certos problemas genéticos.

Porém, de forma nenhuma, quer dizer que eles vão desenvolver alguma destas doenças.

 

Displasia de Quadril

A raça Rottweiler é uma das mais afetadas por esta doença.

Trata-se de uma deformidade genética na qual parte do osso do fêmur (cabeça do fêmur) não se encaixa adequadamente no encaixe do quadril (osso da bacia).

 

Displasia de Cotovelo

É uma má-formação da articulação do cotovelo, onde as taxas de crescimento dos três ossos que a compõem causam frouxidão nesta articulação.

Trata-se de um problema muito comum em raças de cachorros de grande porte.

 

Osteossarcoma

É um tipo de  câncer que se desenvolve nos ossos, e é considerado super agressivo.

Geralmente afeta raças grandes e gigantes, e o Rottweiler é uma das raças mais afetadas.

O primeiro sinal de osteossarcoma é claudicação (termo médico usado para indicar quando o cachorro manca).

O tratamento para osteossarcoma é radical e envolve a amputação total do membro afetado.

 

Torção-Dilatação Gástrica

Também chamada de vólvulo gástrico, essa doença é grave e causada pela torção total ou parcial do estômago dentro do abdome.

Afeta principalmente cachorros de porte grande, como o Rottweiler.

Sabe-se que um dos fatores para o desenvolvimento desta doença é a alimentação única, de forma voraz, seguida de exercício.

Esta condição é uma emergência veterinária e necessita de atendimento imediato.

Os cachorros afetados vão apresentar muita dor, pressão sanguínea diminuída, febre, abdome distendido.

 

Estenose ou Sub-Estenose Aórtica

É um defeito cardíaco comumente visto em Rottweilers, e trata-se de uma doença hereditária.

Aorta é a principal artéria do corpo, e o termo estenose refere-se a um estreitamento.

Esta estenose geralmente ocorre abaixo da válvula aórtica, forçando o coração a trabalhar mais para fornecer sangue ao corpo.

Esta condição pode causar desmaios e até morte súbita.

 

Alergias

São reações excessivas do sistema imunológico a um alérgeno, que é qualquer substância que seja capaz de induzir uma reação nesse animal em particular.

O tratamento para alergias deve ser direcionado a eliminar o alérgeno da convivência do cachorro.

 

Hipotiroidismo

É causado por uma deficiência de hormônio da tireoide.

Os sinais que incluem infertilidade, obesidade, aborrecimento mental e falta de energia.

O pelo do cão pode tornar-se grosseiro e quebradiço e começar a cair, enquanto a pele fica dura e escura.

O tratamento para hipotireoidismo inclui a reposição do hormônio.

Geralmente, a medicação deve continuar durante toda a vida do cachorro.

 

Sensibilidade ao Vírus da Parvovirose

Esta é uma doença viral, que afeta estômago e intestino, causado por um vírus chamado Parvovírus.

Os animais que contraem Parvovirose apresentam sinais de vômito, diarréia, apatia e desidratação.

Cachorros da raça Rottweiler, assim como Pastores Alemães, estão mais vulneráveis a contrair esta doença.

O motivo desta vulnerabilidade ainda é desconhecido.

Para prevenir estes problemas, os médicos veterinários recomendam começar com o protocolo de vacinação (forma como são feitas as vacinas) no período correto, aos 45 dias.

Para estas raças também é indicado uma dose de vacina a mais que o recomendado para outras raças de cachorros.

 

Pelagem

Cor da Pelagem: Apenas Um Padrão é Reconhecido

O Rottweiler apresenta somente uma padrão de cores característicos que é o preto e canela (marrom).

As marcas marrons aparecem sobre os olhos, nas bochechas, ao lado do focinho, no peito, nas pernas e também abaixo da cauda.

 

Camada Dupla: Protege-o Externamente

A pelagem do Rottweiler é composta por duas camadas de pelos, chamada de  “capa dupla”.

As camadas são divididas em:

  • Revestimento Superior, que é reto e grosseiro
  • Sub-pelo, que é uma sub-camada, mais leve e macia.

O comprimento do pelo é mais curto na cabeça, orelhas e pernas.

Geralmente, o Rottweiler costuma ter uma camada mais abundante de sub-pelos ao redor do pescoço e na região do peitoral.

 

Queda de Pelos

O Rottweiler costuma ter queda de pelos de forma moderada a alta.

Esta queda é acentuada no verão e no inverno, quando há troca de pelos, mas geralmente ocorre o ano todo.

Esta queda vai depender bastante de sua alimentação e cuidados com a pelagem.

 

Cuidados e Higiene Com Seu Rottweiler

Escove seu Rottweiler semanalmente com uma escova de cerdas firmes para remover os pelos mortos.

Na época de troca de pelos será necessário aumentar essa frequência de escovação, de duas a três vezes por semana.

Os banhos não precisam ser feitos com frequência, apenas quando ele estiver sujo.

Utilize um bom shampoo para cachorro em todo o corpo.

Se conseguir escovar os dentes do seu Rottweiler, faça isso duas ou 3 vezes por semana (sabemos que é necessário fazer todos os dias, porém quase sempre isso não é possível).

A escovação diária é muito melhor e você pode ajudar a evitar a doenças nas gengivas, o tártaro e o mau hálito.

Comece uma rotina de higiene com seu Rottweiler desde filhote.

Isso é ideal para que ele se acostume com toques humanos, principalmente em suas patas, dentro da boca e dentro das orelhas.

Crie uma experiência positiva para esta rotina, de forma que você possa lidar com ele quando for adulto.

 

Convívio do Rottweiler Com Crianças e Outros Pets

Rottweilers normalmente gostam de crianças, especialmente se foram criados juntos.

O vínculo entre um animal de estimação e uma criança pode ser muito forte.

No entanto, existem algumas medidas de segurança que precisam ser tomadas.

Uma criança pequena precisa estar preparada para garantir que ela não assuste o cachorro, ela precisa aprender a se comportar na presença do Rottweiler.

O animal de estimação precisa estar preparado para lidar com crianças estranhas.

Evite que as crianças corram em direção a um Rottweiler, eles podem se tornar defensivos e atacar, pensando em sua proteção.

Por causa de sua herança de gado, eles tendem a se inclinar e empurrar e podem acidentalmente derrubar uma criança com um empurrão.

Por isso, não é recomendado para crianças muito pequenas.

Aproximar-se de um Rottweiler estranho não é nada recomendável.

Nenhum cão deve ser deixado sem supervisão com uma criança.

Quanto a outros pets, Rottweilers geralmente se dão bem se foram criados juntos.

Você pode ter problemas de dominância com novos cachorros, principalmente do mesmo sexo.

Quando decidir ter um novo membro na casa, certifique-se de introduzir lentamente e supervisionar atentamente a socialização.

 

Alimentação do Rottweiler

Sabemos que o Rottweiler é um cachorro robusto e forte, e portanto, você deve dar conta das suas necessidades nutricionais.

Além do mais, a maneira mais rápida de fazer um cachorro feliz e saudável é por meio de uma alimentação balanceada.

Quer seja uma ração comercial ou uma alimentação natural para cachorros, é importante verificar os ingredientes para saber qual decisão tomar.

Então, se você alimentar seu Rottweiler corretamente, eles serão mais enérgicos, terão menos problemas de saúde e estarão menos propensos ao ganho de peso.

Igualmente, com uma alimentação saudável, sua pele e pelagem também ficarão excelentes, com brilho e maciez, e com certeza ele terá menor queda de pelos.

Então, para garantir todos os nutrientes que o seu Rottweiler precisa, vamos dar uma olhada nas necessidades dele.

 

Nutrientes Necessários Para o Rottweiler: Como Escolher a Melhor Nutrição

O principal item da dieta de um Rottweiler, assim como de outras raças de cachorros, é a carne.

Da carne são extraídas as proteínas, aminoácidos, e uma pequena porcentagem de gordura, dos quais ele necessita.

Se você observar no rótulo da sua ração preferida (do seu Rott, ok?), o primeiro item da lista é geralmente uma proteína.

As fontes de proteína saudáveis e próprias para consumo são a carne, a farinha de carne ou então frango e farinha de frango.

Recuse as formulações com farinha de penas, farinha de ossos, farinha de carne e ossos, farinha de subprodutos, farelo de milho, farelo de soja, soja, trigo ou milho.

A porcentagem de proteínas para um Rottweiler pode variar de acordo com as idades:

  • para um Rottweiler adulto é de 22 a 26% de proteína
  • para um Rottweiler filhote vai de 24 a 28% de proteína

Certifique se que seu Rottweiler está consumindo estas proteínas para que ele desenvolva uma boa saúde.

Um bom nível de proteínas na dieta também ajudará a evitar o sobrepeso, uma vez que a alimentação com proteínas favorece o metabolismo e evita o acúmulo de gorduras.

Falando em gorduras, este é o segundo nutriente necessário na dieta do seu Rottweiler.

A gordura é uma fonte de energia principalmente para filhotes, que estão em fase de crescimento.

Assim como as proteínas, filhotes necessitam de maior nível de gorduras, em torno de 14 a 18%, quando para um adulto é de 12 a 16%.

Assim como falado neste artigo sobre os Labradores Retrievers, todos os cachorros não necessariamente precisam de carboidratos em suas dietas.

Os alimentos do seu Rottweiler nunca devem conter conservantes químicos, açúcar ou corantes artificiais.

 

Consequências e Perigos de Uma Nutrição Inadequada

Se você não está alimentando seu Rottweiler corretamente, sua saúde ficará prejudicada.

Como eu citei acima,  Rottweilers estão propensos a obesidade. Quando eles não estão recebendo alimentos saudáveis ​​em  sua dieta, como guloseimas inadequadas, você acaba sobrecarregando seu sistema e eles podem ganhar peso.

E, definitivamente, um Rottweiler gordo não é saudável, e também não é feliz.

A obesidade predispõe ao aparecimento de outras doenças, como Diabetes e doenças articulares, e pode até causar a morte precoce!

A expectativa de vida de Rottweiler obeso é muito menor que a expectativa de um cachorro saudável.

Em outro extremo, um Rottweiler, com uma alimentação pobre em nutrientes, pode se tornar um cachorro magro, com aparência de mal cuidado.

Seus pelos se tornam opacos e quebradiços e eles podem ter atraso no desenvolvimento dos ossos.

Podem ser mais suscetíveis a doenças transmissíveis porque sua imunidade está baixa.

 

Conclusão

Espero que você tenha gostado do nosso super guia para a raça Rottweiler.

Queremos saber como é sua convivência com este cachorro forte e robusto, por muitas vezes discriminado de forma equivocada.

Compartilhe conosco suas experiências com seu(s) Rottweiler(es) deixando um comentário.

Também criamos uma hashtag perfeita para você e seu Rottweiler.

Publique no seu Instagram, uma foto do seu Rottweiler com a seguinte hashtag #rottweilersincriveis.

Você poderá ter uma foto do seu lindo Rottweiler aqui neste artigo!

Nos ajude também a compartilhar essas informações e ajudar o Rottweiler com sua reputação.

Sabemos que eles são criaturas adoráveis se criadas com cuidado, adestramento e socialização.

Compartilhe também com seus amigos ou em suas redes sociais.

Um AUbraço! E até o próximo artigo!

 

Links Úteis

Animal Planet

The Rottweiler Club

A Love of Rottweilers