filhote de pitbull (2)

O filhote de Pitbull é uma das criaturas mais fofas do planeta.

Essas pequenas bolinhas de 4 patas encantadoras são capazes de roubar seu coração.

Essa é uma das raças de cachorro que possui, injustamente, uma imagem muito negativa.

O filhote de Pitbull, assim como o adulto, é dócil e companheiro.

A agressividade não é uma característica da raça.

Mas é nossa obrigação lhe oferecer adestramento e socialização.

Pois, filhotes de Pitbull podem ser um pouco teimosos sem estas medidas.

Então, caso você esteja pensando em ter um filhote de Pitbull…

Ou até mesmo já esteja com sua fofura em casa…

Veja este conteúdo completo sobre filhotes de Pitbull que a Cachorros Incríveis preparou para você.

Neste artigo você vai aprender:

Comportamento

Os filhotes de Pitbull são cães ativos e brincalhões.

Esta raça não é para tutores que não podem gastar muito tempo com eles.

Pois, eles têm muita energia e podem ser destrutivos se não forem fisicamente e mentalmente estimulados.

A brincadeira preferida de um filhote de Pitbull é mastigar.

E se você não oferecer alguns brinquedos duráveis ele irá encontrar “outras coisas” para mastigar.

Portanto, brinquedos de mastigar são imprescindíveis.

Esses brinquedos devem ser ​​fortes, pois os filhotes de Pitbull têm mandíbulas vigorosas.

Os filhotes de Pitbull não são agressivos, principalmente com pessoas, a menos que sejam ensinados a ser.

O que pode eventualmente acontecer são filhotes de Pitbull agressivos ou relutantes com outros cães, nunca pessoas.

**Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o Pitbull não foi criado para ser agressivo com pessoas, mas sim com outros cães.

Os cães dessa raça eram colocados para lutar com outros cães em uma prática cruel, hoje banida, chamada Bull-baiting.

Mesmo que fossem agressivos com outros cães, eles nunca eram agressivos com pessoas.

Já que uma das características requeridas nesses cães de luta era que permitissem que seus tutores os separassem quando necessário no meio das lutas.

Aparência

Você pode perceber que esta raça possui uma aparência “quadrada”.

E, mesmo quando filhotes, os Pitbulls carregam essa característica, principalmente em suas cabeças.

Aliás, filhotes de Pitbull têm a pele solta ao redor da cabeça fazendo suas cabeças parecerem enrugadas.

À medida que crescem, a pele enrugada se estende sobre as bochechas e pescoço.

Quando adultos, é normal vermos Pitbulls com musculatura aparente, porém não exageradamente volumosa, transparecendo força e agilidade.

Mas os filhotes desta raça ainda não possuem essa característica.

As orelhas pontiagudas caem para a frente e permanecem assim, a menos que sejam cortadas (no Brasil, o corte de orelhas e cauda foi proibido por lei em 2013).

As cores mais comuns para a raça são branco, tigrado, fulvo, vermelho, azul, marrom e preto.

É possível que em uma mesma ninhada nasçam filhotes de cores diferentes.

Saúde

Os filhotes de Pitbull tendem a ser bem saudáveis.

Geralmente, Pitbulls passarão pela infância sem ter problemas de saúde.

Mas, confira aqui no nosso guia completo alguns problemas que você pode enfrentar com o Pitbull Adulto.

Lembramos que é importante que seja respeitado a fase de amamentação e imprinting juntamente com a mãe.

Você também precisará fazer os protocolos de vacinação de filhotes e vermífugos.

A vermifugação pode começar aos 30 dias de idade.

Já a vacinação pode começar com 45 a 60 dias de idade.

Não negligencie estas medidas.

Esta raça pode não ser tão sensível ao vírus da Parvovirose quanto filhotes de Rottweiler e Pastor Alemão.

Entretanto, a vacinação continua sendo de extrema importância.

A primeira coisa a se fazer é escolher um bom criador de Pitbull.

Procure por referências, investigue o canil, conheça outros clientes que já compraram Pitbulls com o mesmo criador.

Ao visitar o canil verifique como os filhotes são criados, o tamanho do espaço e os pais.

Embora os potenciais problemas de saúde possam não ser visíveis, observe as seguintes características:

  • Olhos: Os olhos não são apenas a janela para a alma, eles também podem lhe dar uma pista sobre a saúde do cão.

Secreções nos olhos ou com alguma película esbranquiçada, ou o ato de apertar os olhos são sinais de problemas de saúde.

  • Respiração: Apesar de ser um pouco difícil, você pode tentar ouvir a respiração do filhote, colocando-o próximo ao seu ouvido.

Se notar algum tipo de som como um chiado ou como pequenas bolhas estourando, significa que o filhote está com algum problema respiratório.

O filhote também deve ser capaz de respirar com a boca fechada, em repouso.

  • Movimentação: observe o filhote andar. Veja se ele não está mancando ou andando cambaleando, ou então andando travado.
  • Interação e Atividade: veja como os filhotes interagem entre si e como eles se aproximam de você.

Os mais ousados, que respondem prontamente, podem se tornar cães difíceis de adestrar.

Filhotes tímidos tendem a ter problemas de medo e necessitam de socialização intensa.

Cuidar de um pitbull exige uma pessoa extremamente responsável.

Você vai precisar estar por perto, fornecer adestramento e socialização.

Pois os cães desta raça podem desenvolver um forte senso de dependência de seus humanos.

O Pitbull gosta de estar com pessoas.

Alguns especialistas recomendam não deixá-lo sozinho por mais de 4 horas por dia em casa.

Pitbulls solitários podem ficar estressados ​​e desenvolver comportamentos de ansiedade de separação, incluindo mastigação e latidos excessivos.

Também por causa de sua dependência dos seres humanos, os Pitbulls respondem bem ao treinamento de reforço positivo e elogios.

Eles querem impressioná-lo aprendendo novos truques e mostrando comportamento submisso.

É muito importante socializar seu filhote de Pitbull com outros cães desde o início e ensiná-lo a se comportar.

Também é importante socializar seu filhote com o maior número de pessoas possível.

Isso pode ajudar a evitar a timidez em torno das pessoas.

Além de garantir que você tenha um cão adulto com quem todos se sintam confortáveis quando estão por perto.

Como outras raças altamente ativas, seu Pitbull precisa de muito exercício diário.

Se você não tem tempo para exercitar seu filhote de Pitbull por pelo menos uma hora por dia, esta não é a raça para você.

Seu filhote de Pitbull requer um compromisso de tempo.

Essa é uma dúvida frequente de muitas pessoas que estão em busca do seu filhote perfeito.

O preço de um filhote de Pitbull pode variar absurdamente, de um criador para outro.

Algumas variáveis que compõem o preço de um filhote, seja ele Pitbull ou de outra raça, são:

  • os custos que o criador tem para adquirir e para manter as matrizes;
  • os custos de todos os cuidados dispensados para produzir uma ninhada;
  • os custos com veterinários e outros profissionais envolvidos.

Ou seja, quanto maior o nível de profissionalismo e cuidados com todos os animais envolvidos, maior é o preço de um filhote.

Em contrapartida, infelizmente, existem criadores que mantêm seus cães em situações de vida insalubres e, por isso têm um preço mais baixo.

Fuja deles.

Essas questões não são vias de regra, por isso, é totalmente indicado que você pesquise a fundo como são as condições de criação e a reputação deste criador de cães.

Faça várias visitas ao canil, de preferência sem hora marcada para certificar de que está fazendo uma escolha certa.

Em nossa pesquisa encontramos preços de Pitbull entre R$500,00 a R$4.500,00 reais.

Se você gostou desse artigo, vai gostar ainda mais deste conteúdo incrível que preparamos para você em nosso e-book: TENHO UM CACHORRO, E AGORA?

Este e-book é o Único e Exclusivo Manual que te guiará na criação de um cachorro incrível ao invés de um bagunceiro, mau comportado e cheio de problemas de saúde.


Clique Aqui Para Conhecer o Ebook

Clique para saber mais, afinal você provavelmente sabe ou já tem uma boa ideia de quão trabalhoso e custoso é cuidar de um cachorro.

Então, é melhor estar preparado para criar o seu filhote de uma forma incrível!

Esperamos que neste artigo você tenha encontrado todas as informações sobre filhotes de Pitbull que procurava.

Então, se você gostou deste artigo, nos ajude a distribuir estas informações compartilhando este artigo com seus amigos e nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar um comentário abaixo para que possamos saber se você está gostando dos nossos conteúdos!

Compartilhe suas experiências conosco!

Até o próximo artigo!

Um AUbraço