Filhote de Bulldog Francês 1

Com um adorável corpo rechonchudo e um rosto de desenho animado, o filhote de Bulldog Francês é um cachorrinho encantador.

Os “Frenchies”, como são chamados carinhosamente, são cães de estimação muito populares nos dias de hoje.

Inclusive, é uma das raças favoritas das celebridades.

Esses cães foram criados para produzir esse visual de marca registrada, que pode ser fofo, mas também significa alguns cuidados extras.

Talvez a questão mais séria seja a braquicefalia, que se refere à aparência de rosto achatado do Bulldog Francês.

Por causa disso, não só os filhotes, como os adultos, são, infelizmente, propensos a inúmeras complicações de saúde.

Para facilitar as coisas, reunimos tudo o que você precisa em um guia simples e fácil de usar sobre esses filhotes incríveis.

Veja o que você vai aprender neste artigo:

Comportamento

Os filhotes de Bulldog Francês amam contato humano, amam brincar com qualquer um e com tudo e são incrivelmente fáceis de lidar – não é de se admirar que tenham roubado tantos corações!

Apesar de sua expressão triste, o filhote Bulldog Francês é cômico, divertido e confiável.

Ele se adapta bem em um apartamento ou em uma fazenda e ele é mais animado do que você jamais você poderia pensar.

Perseguir uma bola é uma das suas paixões. Ele também ama morder objetos e móveis.

Por isso é bom fornecer vários brinquedos, principalmente para que ele possa morder.

Aparência

O Bulldog Francês tem uma aparência diferente e inconfundível!

Seu crânio e estrutura de corpo apresentam certas particularidades notáveis.

A começar pelo seu focinho achatado que o enquadra no grupo de cães braquicefálicos.

***Braquicefálicos: é um termo indicado para designar cães de focinho curto e achatado.

Além disso, eles possuem dobras acima do nariz e pele extra ao redor da boca.

Outra particularidade de seu crânio é o maxilar superior extra-curto e mandíbula inferior de comprimento normal.

Por causa dessa conformação, Bulldogs Franceses são bastante propensos a problemas respiratórios de pele e dentários.

Os Frenchies geralmente possuem pernas extra curtas (causadas por um gene nanismo dentro da própria raça).

A pelagem do Bulldog Francês é curta, lisa, brilhante, fina e fácil de cuidar.

Existe uma boa variedade de cores e padrões do Bulldog Francês.

Algumas cores são mais mais populares e outras mais difíceis de se ver.

As cores mais comuns são as tigradas, fulvos, brancas, tigradas e brancas.

Saúde

Os filhotes de Bulldog Francês tendem a ser bastante saudáveis.

Mas, como outros cães de pequeno porte, estão propensos a hipoglicemia.

A hipoglicemia é uma condição médica na qual há uma queda rápida e perigosa nos níveis de açúcar no sangue.

Os sinais de hipoglicemia são fraqueza, sonolência repentina, tontura, tropeços ao andar e/ou confusão.

Caso você note esses sinais, tente esfregar um pouco de mel nas gengivas do seu Bulldog Francês.

Se os sintomas persistirem, procure um médico veterinário.

Pele, olhos e sistema respiratório do Bulldog Francês merecem atenção.

Nesses casos, existem várias doenças que o Bulldog Francês está propenso

Para saber sobre todas elas leia nosso Guia Completo Sobre o Bulldog Francês.

Entretanto, um filhote saudável e de boa procedência não deve apresentar nenhum sintoma nessas áreas.

A primeira coisa a se fazer é escolher um bom criador de Bulldog Francês.

Procure por referências, investigue o canil, conheça outros clientes que já compraram Bulldog Franceses com o mesmo criador.

Ao visitar o canil, verifique como os filhotes são criados, o tamanho do espaço e os pais.

Embora os potenciais problemas de saúde possam não ser visíveis, observe as seguintes características:

  • Olhos: os olhos não são apenas a janela para a alma, eles também podem lhe dar uma pista sobre a saúde do cão.

Secreções nos olhos, com alguma película esbranquiçada ou o ato de apertar os olhos são sinais de problemas de saúde.

  • Respiração: apesar de ser um pouco difícil, você pode tentar ouvir a respiração do filhote colocando-o próximo ao seu ouvido.

Se notar algum tipo de som como um chiado ou como pequenas bolhas estourando, significa que o filhote está com algum problema respiratório.

O filhote também deve ser capaz de respirar com a boca fechada quando estiver em repouso.

  • Movimentação: observe o filhote andar. Veja se ele não está mancando, andando cambaleando ou andando travado.
  • Interação e Atividade: veja como os filhotes interagem entre si e como eles se aproximam de você.

Os mais ousados, que respondem prontamente, podem se tornar cães difíceis de adestrar.

Por outro lado, filhotes tímidos tendem a ter problemas de medo e necessitam de socialização intensa.

Como já dissemos, filhotes de Bulldog Francês podem ter problemas de saúde devido à conformação de seus crânios.

Então é preciso cuidar de certos detalhes desde filhotes para prevenir antes que qualquer desses problemas se instalem.

Considerando que o Bulldog Francês está propenso a ter problemas de pele por causa de suas dobras, aqui estão alguns cuidados que você deve ter:

  • Limpe o rosto do seu Bulldog Francês (e as outras dobras do corpo) diariamente.

É preciso que o filhote seja acostumado com a manipulação desde cedo, pois você vai precisar fazer isso durante a vida toda.

Faça isso com delicadeza passando uma gaze, pano ou toalha levemente umedecida por entre as dobras.

Isso evita o acúmulo de sujeira e bactérias que podem causar infecções ou deixar seu filhote doente.

No final, você pode usar um cotonete para espalhar vaselina dentro das rugas para manter a pele interna protegida.

  • Escove seu filhote de Bulldog Francês 1 a 2 vezes por semana para retirar os pelos mortos
  • Na hora do banho, utilize shampoos com pH apropriados para filhotes e seque a pelagem com um secador. Evite a todo custo deixar seu filhote úmido.

Por causa de seus focinhos curtos, filhotes de Bulldog Francês estão propensos a problemas respiratórios e de superaquecimento.

Portanto, Bulldog Francês são bastante afetados por condições quentes e podem ficar desidratados.

Caso você sinta que o ambiente está muito quente, você tem que movê-lo para uma sala fria e fornecer-lhe muita água.

Em condições extremas, você pode colocar compressas frias na sua barriguinha até ele esfriar.

Em dias muito quentes é bom evitar a caminhada nos horários em que o sol está mais forte, pois o seu filhote de Bulldog Francês pode se sentir mal.

Para manter seu filhote de Frenchie feliz e saudável, também é importante que você lhes dê uma dieta balanceada e adequada às suas necessidades.

Seja ela uma ração comercial ou alimentação natural, certifique-se de estar oferecendo a melhor alternativa para seu filhote.

Assim como todos os filhotes, Bulldogs Franceses precisam ser vacinados e vermifugados.

A vacinação começa com 45 dias com a vacina polivalente, conhecida como V10.

O ideal é que, assim que adquirir seu filhote de Frenchie, você leve-o ao médico veterinário para ser avaliado.

Essa é uma dúvida frequente de muitas pessoas que estão em busca do seu filhote perfeito.

O preço de um filhote de Bulldog Francês pode variar absurdamente de um criador para outro.

Algumas variáveis que compõem o preço de um filhote, seja ele Bulldog Francês ou de outra raça, são:

  • os custos que o criador tem para adquirir e para manter as matrizes;
  • os custos de todos os cuidados dispensados para produzir uma ninhada;
  • os custos com veterinários e outros profissionais envolvidos.

Ou seja, quanto maior o nível de profissionalismo e cuidados com todos os animais envolvidos, maior é o preço de um filhote.

Em contrapartida, infelizmente, existem criadores que mantêm seus cães em situações de vida insalubres e, por isso, têm um preço mais baixo.

Fuja deles.

Essas questões não são a regra e, por isso, é totalmente indicado que você pesquise a fundo como são as condições de criação e a reputação desse criador de cães.

Faça várias visitas ao canil, de preferência sem hora marcada, para se certificar de que está fazendo a escolha certa.

Em nossa pesquisa, encontramos preços de Bulldog Francês entre R$1.000,00 a R$13.500,00.


 

Esperamos que neste artigo você tenha encontrado todas as informações sobre filhotes de Bulldog Francês que procurava.

Então, se você gostou deste artigo, nos ajude a distribuir estas informações compartilhando este artigo com seus amigos e nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar um comentário abaixo para que possamos saber se você está gostando dos nossos conteúdos!

Compartilhe suas experiências conosco!

Até o próximo artigo!

Um AUbraço