Trazer um filhote de Beagle para casa pode ser um momento muito emocionante.

Beagles são adoráveis, de baixa manutenção e de boa índole.

Esses cãezinhos são pequenos, mas com grande senso de humor.

Eles são ótimos com crianças, podem morar em um apartamento e você não precisa limpá-los com frequência.

Eles também são descendentes de cães trabalhadores que tinham como tarefa caçar.

Isso significa que eles têm o instinto de correr, farejar e serem ativos durante o dia inteiro.

Antes que você adote um filhote de Beagle, é preciso ter certeza se vai conseguir lidar com toda a energia desse cachorrinho.

Além disso, Beagles, especialmente os filhotes de Beagle, têm a reputação de serem cães difíceis de treinar.

Para que tudo corra bem, um novo proprietário deve estar bem preparado para estas situações.

O cuidado adequado do seu filhote de Beagle o transformará em um cão emocional e fisicamente saudável.

Então, continue lendo e veja o que você vai aprender neste artigo:

Comportamento

Um filhote de Beagle possui principalmente muita energia, são muito ativos e curiosos.

Esse é um comportamento normal e, embora possa parecer que o seu cachorro é muito hiperativo, essa é uma fase.

A maioria dos filhotes de Beagles se acalma ao redor de 12 meses a 18 meses de idade.

Por causa dessa longa tradição de rastreamento de odores e caça, seu filhote Beagle ficará incrivelmente curioso com o que o rodeia.

Nada está fora dos limites da curiosidade de um Beagle, incluindo algo do outro lado do seu portão ou muro.

Por isso, certifique-se de manter seu filhote de Beagle em um local à prova de fugas e, também, que ele esteja ocupado brincando ou se exercitando.

Os Beagles podem se tornar destrutivos se ficarem sozinhos  e entediados em casa por muito tempo!

Outra características da raça é que Beagles uivam!

O uivo é instintivo e também é a maneira dele dizer ao caçador que a presa foi avistada ou capturada.

Mesmo que não haja presas a serem vistas em sua casa, o Beagle encontrará outras razões para vocalizar.

E todos os beagles aprendem a uivar – alguns mais cedo do que outros.

Eles podem começar a uivar tão cedo quanto 8 semanas de idade ou atrasar até seu primeiro aniversário.

Mas, uma vez que ele começar, ele não vai parar.

Vamos falar sobre como controlar os uivos logo mais.

Aparência

Filhotes de Beagle são cachorrinhos suaves e cheios de energia.

Eles são pequenos cães tricolores e suas marcas coloridas podem não ser tão aparentes quanto no adulto.

À medida que crescem, poderá se ver o padrão da pelagem.

As orelhas são caídas e grandes, com comprimento levemente abaixo da mandíbula.

O pelo é suave e fino, e, à medida que envelhecem, a pelagem de bebê é substituída por um pelo mais grosseiro.

A cauda é longa e possui uma marcação característica branca na ponta.

Saúde

Filhotes de Beagle, quando comparados a outras raças de cães, são mais propensos a doenças como epilepsia, problemas nas costas, obesidade e insuficiência renal.

Portanto, é vital que você leve seu filhote de Beagle ao veterinário para exames regulares de saúde.

Quando diagnosticadas em estágio inicial, essas doenças não devem causar muitos problemas.

E, também, por causa de sua necessidade de muito exercício, muitos filhotes de Beagle podem ficar um pouco gordinhos se ficarem em casa o dia todo.

A longo prazo, a obesidade poderá causar problemas no esqueleto e outras doenças, como, por exemplo, doenças do coração.

A primeira coisa a se fazer é escolher um bom criador de Beagle.

Procure por referências, investigue o canil, conheça outros clientes que já compraram Beagles com o mesmo criador.

Ao visitar o canil, verifique como os filhotes são criados, o tamanho do espaço e os pais.

Embora os potenciais problemas de saúde possam não ser visíveis, observe as seguintes características:

  • Olhos: os olhos não são apenas a janela para a alma, eles também podem lhe dar uma pista sobre a saúde do cão.

Secreções nos olhos, com alguma película esbranquiçada ou o ato de apertar os olhos são sinais de problemas de saúde.

  • Respiração: apesar de ser um pouco difícil, você pode tentar ouvir a respiração do filhote colocando-o próximo ao seu ouvido.

Se notar algum tipo de som como um chiado ou como pequenas bolhas estourando, significa que o filhote está com algum problema respiratório.

O filhote também deve ser capaz de respirar com a boca fechada quando estiver em repouso.

  • Movimentação: observe o filhote andar. Veja se ele não está mancando, andando cambaleando ou então andando travado.
  • Interação e Atividade: veja como os filhotes interagem entre si e como eles se aproximam de você.

Os mais ousados, que respondem prontamente, podem se tornar cães difíceis de adestrar.

Filhotes tímidos tendem a ter problemas de medo e necessitam de socialização intensa.

Como já dissemos, filhotes de Beagle são geralmente saudáveis.

Mas sua propensão à uivar e à obesidade merecem atenção.

Uma vez que um beagle aprende a uivar, é difícil fazê-lo parar.

Se o barulho for demais para você ou seus vizinhos, você pode ensinar seu Beagle a uivar menos.

Você pode, por exemplo, redirecionar sua atenção quando ele começa a uivar jogando um brinquedo para ele buscar.

Agrade-o quando ele obedecer e ele rapidamente aprenderá a o que deve fazer.

Beagles são cães que amam companhia e às vezes uivam porque estão sozinhos.

Deixe a TV ou um rádio tocando quando você sair para ver se isso ajuda.

Para evitar problemas de obesidade, alimente seu filhote de Beagle 2 a 3 vezes ao dia.

Observe a quantidade indicada em cada alimento.

Quando ele passar à idade adulta, você poderá alimentá-lo 2 vezes ao dia.

Evite petiscos industrializados e alimentos extremamente calóricos.

Converse com o médico veterinário para que ele possa lhe indicar a melhor dieta possível.

Seja ela uma ração comercial ou alimentação natural para cães.

Para evitar obesidade você também deve estabelecer uma rotina de exercícios para seu Beagle.

Assim como todos os filhotes, Beagles precisam ser vacinados e vermifugados.

A vacinação começa com 45 dias com a vacina polivalente, conhecida como V10.

O ideal é que assim que adquirir seu filhote de Beagle você o leve ao médico veterinário para ser avaliado.

Essa é uma dúvida frequente de muitas pessoas que estão em busca do seu filhote perfeito.

O preço de um filhote de Beagle pode variar absurdamente de um criador para outro.

Algumas variáveis que compõem o preço de um filhote, seja ele Beagle ou de outra raça, são:

  • os custos que o criador tem para adquirir e para manter as matrizes;
  • os custos de todos os cuidados dispensados para produzir uma ninhada;
  • os custos com veterinários e outros profissionais envolvidos.

Ou seja, quanto maior o nível de profissionalismo e cuidados com todos os animais envolvidos, maior é o preço de um filhote.

Em contrapartida, infelizmente, existem criadores que mantêm seus cães em situações de vida insalubres e, por isso, têm um preço mais baixo.

Fuja deles.

Essas questões não são a regra e, por isso, é totalmente indicado que você pesquise a fundo como são as condições de criação e a reputação desse criador de cães.

Faça várias visitas ao canil, de preferência sem hora marcada, para certificar que está fazendo uma escolha certa.

Em nossa pesquisa, encontramos preços de Beagle entre R$250,00 a R$3.000,00.

Se você gostou deste conteúdo, vai gostar ainda mais deste conteúdo incrível que preparamos para você em nosso e-book: TENHO UM CACHORRO, E AGORA?

Esse e-book é o Único e Exclusivo Manual que te guiará na criação de um cachorro incrível ao invés de um bagunceiro, mal comportado e cheio de problemas de saúde.

Clique Aqui Para Conhecer o Ebook

Clique para saber mais, afinal você provavelmente sabe ou já tem uma boa ideia de quão trabalhoso e custoso é cuidar de um cachorro.

Então é melhor estar preparado para criar o seu filhote de uma forma incrível!

Esperamos que neste artigo você tenha encontrado todas as informações sobre filhotes de Beagle que procurava.

Então, se você gostou deste artigo, nos ajude a distribuir essas informações compartilhando este artigo com seus amigos e nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar um comentário abaixo para que possamos saber se você está gostando dos nossos conteúdos!

Compartilhe suas experiências conosco!

Até o próximo artigo!

Um AUbraço