Nestas festas de final de ano saber como proteger seu cachorro do barulho dos fogos de artifício pode salvá-lo de algum acidente grave.

Muitos cães acabam por sofrer acidentes por causa do medo e do pavor que eles têm de fogos de artifício.

Isso se torna grande problema infelizmente, pois não conseguimos impedir que pessoas soltem estes fogos principalmente durante o réveillon, mesmo que façamos campanhas de conscientização.

Além disso, essa aversão ao barulho pode progredir, resultando em uma intensidade aumentada de sinais, aversão a outros tipos de barulhos, ou desenvolvimento de outros tipos de ansiedade.

Se você já passou por isso, sabe bem do que estou falando.

Contudo, existem maneiras de lidar com isso e passar por essa situação de uma maneira mais tranquila.

 

Portanto, você está no lugar certo se:

  • Tem um cachorro que morre de medo do barulho de fogos de artifício
  • Quer saber como proteger seu cachorro do barulho dos fogos de artifício

 

À vista destas coisas, preparamos um artigo para você que:

  • Está lendo este artigo com algum tempo de antecedência e pode preparar seu cachorro até o momento dos fogos
  • Está lendo este artigo em cima da hora e não teve tempo para preparar seu cachorro para o momento dos fogos

Portanto não se preocupe, vamos passar pra você todas as técnicas que podem ser utilizadas para proteger seu cachorro.

 

Neste artigo você irá aprender:

Porque Os Cachorros Têm Medo Do Barulho De Fogos De Artifício

Os sons altos e inesperados de fogos de artifício causam medo, estresse e ansiedade em muitos cachorros.

Enquanto nós, seres humanos, aprendemos a esperar fogos de artifício no réveillon, o som dos fogos é brusco e inesperado para os cachorros.

Este medo de barulho é uma resposta adaptativa normal. Quando eles ouvem um barulho alto, o seu instinto de sobrevivência comportamental e psicológico é ativado e diz:

“Procure abrigo para evitar um perigo iminente”

Além disso, seu cachorro tem sentidos aguçados que fazem dos fogos de artifício uma experiência mais intensa:

Em primeiro lugar, a audição apurada do seu cachorro o torna mais sensível aos sons de fogos de artifício do que você é.

E também, os fogos de artifício produzem um odor que os cachorros podem ser sensíveis.

 

17 comportamentos comumente observados em cachorros com medo do barulho de fogos de artifício

Os seguintes comportamentos foram relatados por tutores de cachorros:

  • Tremores excessivos
  • Orelhas para trás
  • Cauda escondida
  • Ficar grudados às pernas do tutor
  • Seguindo o tutor constantemente
  • Se esconder em baixo de mesas, camas, sanitários, etc…
  • Ofegante, com a língua para fora
  • Salivação excessiva (fica babando muito)
  • Inquietação
  • Uivar, latir, chorar
  • Se encolher
  • Hiper vigilância
  • Tentar escapar ou fugir
  • Lamber os lábios excessivamente
  • Arranhar excessivamente
  • Urinar e defecar inapropriadamente
  • Mastigar, destruir móveis, paredes, etc…

 

Muitos destes comportamentos podem ter consequências graves.

Existem relatos de pessoas que tiveram seus cachorros atravessando portas de vidro e janelas, e se ferindo gravemente nesta ocasião.

 

8 Dicas Para Proteger Seu Cachorro Do Barulho De Fogos De Artifício No Dia Do Réveillon

Se você não teve tempo para preparar seu cachorro para este momento, siga estas dicas:

 

1. Se possível, exercite seu cachorro algumas horas antes dos fogos.

O exercício irá promover a liberação de hormônios que o deixarão mais calmo.

 

2. Antes que ocorra a queima de fogos, saia para passear com seu cachorro para que ele possa fazer suas necessidades.

Muitos cachorros soltam suas necessidades por causa do medo excessivo, portanto estimulá-los antes é uma boa medida.

Lembrete: Não se esqueça de tirar a coleira do seu cachorro para o momento da queima de fogos, e em hipótese alguma prenda-o na coleira. Isso pode causar estrangulamento e lesão de pescoço!

 

3. Proteja seu cachorro colocando-o em um local fechado: feche as portas e janelas, feche as cortinas.

Se você possui portas e janelas de vidro, proteja estes locais de forma que ele não consiga ter acesso.

 

4. Ligue a televisão ou alguma música para tentar abafar ou reduzir o barulho dos fogos

 

5. Brinque com ele para distraí-lo: tente usar bolinhas ou brinquedos que ele gosta.

Esta é uma ótima maneira de tirar a mente do seu cachorro dos barulhos altos.

Quando os fogos de artifício ou os barulhos começam, traga o seu brinquedo favorito e incentive-os a brincar com você.

 

6. Você pode colocar algodão no ouvido do seu cachorro para abafar o barulho.

 

7. Mantenha-se calmo.

Esta dica é a mais importante de todas. Aja naturalmente mantendo-se tranquilo.

Se você demonstrar nervosismo ele irá perceber e também ficará.

Continue fazendo suas atividades, sempre observando ele e, continue calmo.

 

8. De forma nenhum acaricie, demonstre carinho, ou tente protegê-lo com colo e abraços quando ele estiver nervoso.

Se você fizer isso você estará demonstrando “recompensa” por um comportamento ruim: o nervosismo.

Isso pode aumentar o nervosismo do seu cachorro, pois ele entende que aquele comportamento que ele está tendo, faz com que você dê atenção pra ele.

Então ele irá demonstrar mais medo ainda e pode até “fabricar” medo para receber o seu carinho.

Portanto, não tente o protegê-lo pois se você ficar alimentando esse comportamento, o medo dele ficará cada vez maior.

 

A Técnica De Amarração Com Panos Funciona Para Proteger Seu Cachorro?

Com certeza você já ouviu falar desta técnica de amarração com panos como sendo uma das formas de como proteger seu cachorro do barulho dos fogos de artifício.

Essa técnica se originou a partir de um método de treinamento chamado Tellington TTouch®.

Trata-se de uma técnica desenvolvida para substituir um abraço e causar uma sensação de proteção nos cachorros.

Essa técnica tem comprovação científica e funciona sim!

Você precisará de uma faixa elástica, para envolver o corpo do seu cachorro. A mais indicada é a Tensor, pois ela não enrola.

Comece envolvendo o pescoço e transpassando a faixa acima logo no dorso. Traga a faixa para baixo, transpassando novamente e levando para cima, feche a faixa com um nó ou se tiver um feixe especial, melhor ainda.

É importante que você verifique se o seu cachorro está confortável com esta amarração.

Se possível faça alguns dias de adaptação antes do réveillon.

 

3 Formas Para Proteger Seu Cachorro Do Barulho De Fogos De Artifício Antecipadamente.

Chegamos à parte deste artigo ideal e mais eficiente para proteger seu cachorro do barulho de fogos de artifício e acabar com o medo que ele tem.

Portanto se você tem alguns dias antes de chegar o réveillon realize estes treinamentos com seu cachorro:

 

1.Adaptação ao som de barulho de fogos de artifício

Procure no Youtube por sons de fogos e artifício e comece a colocar o som pra tocar bem baixinho.

É importante que você continue a fazer os seus afazeres normalmente, como se aquele som fosse normal.

Ao longo dos dias vá aumentando o volume pra que seu cachorro vá se acostumando.

 

2. Associação do som de barulho de fogos de artifício com alguma recompensa

Mostre pra seu cachorro que aquele barulho não é um problema ao associar o barulho de fogos de artifício com alguma recompensa.

Essa recompensa pode ser um carinho, uma brincadeira ou um petisco.

Uma boa forma de utilizar petiscos é dar ao seu cachorro o biscoito que ele gosta.

Mas lembre-se, não dê a recompensa se ele demonstrar medo.

Aproveite os sons de fogos que você achou no YouTube para treinar esse comportamento.

Coloque para tocar o som e peça calmamente para seu cachorro vir até você e se ele fizer corretamente, recompense-o com o biscoito.

Esse treinamento precisa ser feito por alguns dias, portanto não exagere nos petiscos, se possível utilize biscoitos naturais. A saúde do seu cachorro agradece.

Contudo, existem cachorros que têm um medo fora o normal, e até mesmo já sofreram acidentes por causa deste medo, então:

 

3. Converse com seu veterinário e veja qual a melhor forma proteger seu cachorro do barulho de fogos de artifício

Uma conversa com o médico veterinário deve ajudar aqueles cachorros que tem comportamentos excessivamente ruins a ponto de causar acidentes graves.

Muitos veterinários indicam tratamentos com florais, o que pode ser uma ótima opção.

O veterinário irá identificar qual sentimento está envolvido neste comportamento e poderá indicar a terapia corretamente.

 

Conclusão:

O mais importante para proteger seu cachorro do barulho de fogos é manter-se calmo para poder transparecer para ele a sua calma.

Animais em geral, principalmente cachorros são muito sensíveis, principalmente à energia do seu tutor, portanto primeiro passo: mantenha-se calmo.

Além disso, nunca recompense seu cachorro com carinho, proteção ou petiscos se ele demonstrar medo, pois isto pode piorar a situação.

Logo, siga nossas instruções para que você consiga proteger seu cachorro do barulho de fogos, e trazer um novo significado para esta experiência anual.

E, se você tem dicas adicionais para ajudar a manter os cachorros tranquilos e seguros nestas festas barulhentas, por favor, compartilhe conosco.

Clique nos comentário abaixo e compartilhe suas sugestões.

Além disso, sinta-se livre para compartilhar como seus cachorros se comportaram no último réveillon.