cane corso 3

O Cane Corso é uma raça de cachorro que teve sua origem na Itália.

Ele é um cão do tipo Mastiff com aparência muito impressionante.

Eles primeiramente foram criados como cães de guarda, de pastoreio e caça.

Mas também foram altamente valorizados como cães de companhia.

Embora não sejam muito populares no Brasil, são muito comuns em sua terra natal, a Itália.

Qualquer pessoa que deseje ter um Cane Corso precisa entrar em uma lista de espera, porque pouquíssimos filhotes estão disponíveis.

Ele é poderoso e atlético e é mais adequado para um proprietário experiente que tenha um quintal grande e seguro.

Essas e outras características você vai ver aqui neste super guia que a Cachorros Incríveis preparou para você.

Perfil da Raça Cane Corso

Grupo: Cães de Trabalho

Tamanho: Porte Grande

Peso: Os machos podem pesar de 45 a 50 quilos, já a fêmeas, de 40 a 45 quilos.

Altura: Os machos podem ter 62 a 70 cm, já as fêmeas, de 58 a 66 centímetros de altura.

Expectativa de vida: de 10 a 12 anos.

Origem: Itália

Pelagem: Curta e Lisa

Cores: Preto, Fulvo, Cinza, Vermelho, Tigrado Escuro, Castanho Tigrado.

Destaques da Raça Cane Corso

O Cane Corso é Um Ótimo Cão de Guarda

Essa raça possui um forte instinto protetor.

Esse instinto está ligado aos primórdios de sua criação.

Por isso, o Cane Corso é um cão de guarda natural.

Isto é, essa característica está em sua personalidade.

Além disso, seu grande tamanho assusta quaisquer invasores.

O Cane Corso geralmente prefere manter distância e observar.

Entretanto o ataque é raro.

A não ser que sejam provocados.

O Cane Corso Precisa de Bastante Exercício

O Corso é um cão de trabalho que precisa de muita estimulação mental e física.

Ele é um cão atlético e gosta de receber uma quantidade regular de exercício diário.

Eles gostam de muitas atividades.

Isso inclui: sair com seus tutores em caminhadas, acompanhá-los em passeios de bicicleta e até mesmo em passeios a cavalo.

Um bom exercício de 60 a 80 minutos por dia seria suficiente para manter um Cane Corso feliz, em forma e saudável.

O Cane Corso Não é Uma Boa Escolha Para Tutores de Primeira Viagem

Pois eles precisam ser manuseados e treinados por pessoas familiarizadas com as necessidades específicas de um cão tão grande e inteligente.

Esses cães podem mostrar um lado mais dominante de sua natureza se não forem bem treinados e socializados.

História da Raça Cane Corso

Não existe muita documentação sobre a criação da raça.

Sabe-se que o Cane Corso é um descendente de raças antigas italianas do tipo Mastim.

Por sua vez, estes cães eram descendentes dos Pugnaces Canis, que existiam na antiguidade romana.

De fato, o Cane Corso, assim como o Mastim Napolitano, são descendentes dos Pugnaces, um cão de guerra que ostenta uma renomada reputação de ser forte, corajoso e leal.

Entretanto o Cane Corso é mais leve, enquanto o Mastim Napolitano é muito mais pesado e corpulento.

Há registros do Cane Corso que remontam a 1137 d.C. descrevendo um tipo mais leve de cachorro Mastim.

Nos tempos antigos romanos, o Cane Corso acompanhou legiões em batalhas e em incursões em terras estrangeiras que incluíam a Grã-Bretanha.

O Cane Corso enfrentou uma quase extinção na década de 1970.

Apenas alguns cães foram encontrados nas áreas mais remotas da terra, que incluíam as regiões mais ao sul da Itália, onde os moradores ainda usavam e treinavam seus cães para caçar e trabalhar como cães de fazenda.

A raça foi salva por Sig Bonnetti, que era um entusiasta dos cães do tipo Mastim e que estava disposto a salvar a antiga raça “Pugnaces”.

Juntamente com um estudante chamado Stefano Gandolfi, Bonetti montou um centro em Mantova para salvar a raça de desaparecer completamente.

Eles usaram um cachorro preto chamado Dauno que foi cruzado com uma fêmea chamada Tipsi e eles produziram a primeira ninhada importante para a recuperação da raça nos tempos modernos.

Em 1983 foi criado um clube de raça chamado Sociedade Amatori Cane Corso e a raça foi oficialmente reconhecida.

Alguns anos depois, em 1996, os números da raça começaram a subir.

Apesar disso, algumas pessoas acreditam que os cães que vemos hoje não são como os cães de antigamente, pois eles são muito mais pesados ​​e maiores do que eram no passado.

A raça também é conhecida por outros nomes, como Dogo di Puglia.

Personalidade da Raça Cane Corso

O Cane Corso é conhecido por ser confiável e leal.

Eles formam fortes laços com suas famílias, tornando-se totalmente dedicados a eles.

Além disso, têm um forte instinto protetor, embora sejam gentis e afetuosos por natureza também.

O Cane Corso é um cão de guarda natural, uma característica que está profundamente enraizada em sua personalidade.

Eles tendem a ser um pouco distantes e cautelosos quando estão perto de pessoas que não conhecem.

Mas raramente mostram qualquer tipo de agressão contra um estranho, preferindo manter distância e apenas deixar seus donos saberem que estão por perto.

Uma vez que eles conhecem alguém, geralmente ficam bem ao redor de outras pessoas.

Vale a pena notar que um Cane Corso amadurece lentamente e só atinge a plena maturidade aos 4 anos de idade.

Eles não são a melhor escolha para os donos da primeira viagem, pois são o tipo de cão que precisa ser treinado e manuseado por alguém que esteja familiarizado com as necessidades da raça.

Sem o tipo certo de socialização e treinamento, o Cane Corso pode se tornar um cão indisciplinado que é difícil de administrar e conviver.

Eles são uma boa escolha para pessoas que levam vidas ativas, ao ar livre e que vivem em um ambiente campestre e possuem grandes quintais seguros.

Também são uma boa escolha para as famílias em que uma pessoa geralmente está por perto quando todos os outros estão fora de casa, pois esses cães grandes prosperam em companhia humana e não se saem bem se forem deixados sozinhos por longos períodos de tempo.

Saúde do Cane Corso: Veja os Pontos Críticos

A raça Cane Corso tem uma expectativa de vida de 10 a 12 anos. São geralmente saudáveis, mas, como todas as raças, estão propensas a certos problemas de saúde.

Nem todos os Cane Corsos vão adquirir estas doenças, mas é importante estar ciente se você estiver pensando em ter um cachorrinho dessa raça.

Displasia de quadril

Ocorre desenvolvimento anormal e/ou degeneração da articulação coxofemoral (quadril).

Entrópio

Entrópio é a inversão, ou a virada para dentro, de todo ou parte da borda de uma pálpebra, ou das duas.

Ectrópio:

Ectrópio é uma condição física em que a pálpebra vira para fora, expondo a pálpebra interna sensível a condições ambientais adversas.

Cherry Eye “Olho de Cereja”

Essa doença ocorre quando a glândula da terceira pálpebra aumenta e fica inchada. Parece uma massa vermelha – uma cereja – no canto interno do olho do cachorro.

O tratamento para essa doença é geralmente a cirurgia.

Torção-Dilatação Gástrica

Também chamada de vólvulo gástrico, essa doença é grave e causada pela torção total ou parcial do estômago dentro do abdome.

Afeta principalmente cachorros de porte grande, como o Cane Corso.

Sabe-se que um dos fatores para o desenvolvimento dessa doença é a alimentação única, de forma voraz, seguida de exercício.

Essa condição é uma emergência veterinária e necessita de atendimento imediato.

Os cachorros afetados vão apresentar muita dor, pressão sanguínea diminuída, febre e abdome distendido.

Demodicose

É doença de pele causada pelo ácaro Demodex Canis.

É conhecida popularmente como Sarna Demodécica, ou Sarna Negra.

Displasia de Cotovelo

É uma má-formação da articulação do cotovelo, onde as taxas de crescimento dos três ossos que a compõem causam frouxidão na articulação.

Trata-se de um problema muito comum em raças de cachorros de grande porte.

Pelagem do Cane Corso

O Cane Corso tem a pelagem curta e dura com um subpelo leve.

Ele geralmente tem pouca queda de pelos, porém durante todo a ano.

Essa queda se acentua no verão e no inverno, período que ocorre a troca de pelos.

Cores

Os Cane Corsos possuem as seguintes cores:

Preto, fulvo, cinza, vermelho e pode ou não ter um padrão tigrado.

Cuidados e Higiene Com o Cane Corso

Se você planeja dar banho no seu Cane Corso regularmente, acostumá-lo à experiência desde filhote é uma boa ideia.

Mas, em geral, essa raça não necessita de banhos frequentes, a não ser que seja totalmente necessário.

Isto é, quando estão muito sujos ou com cheiro ruim.

Escove-o com uma escova macia ou uma luva de borracha a cada 15 dias para remover os pelos mortos.

Por ser uma raça de trabalho, o Cane Corso precisa de muita atividade física para ficar em forma.

E, como já dissemos acima, 60 a 80 minutos de atividade física diariamente é o ideal.

Entretanto seu sistema músculo-esquelético não está totalmente desenvolvido até os 18 meses de idade.

Então, enquanto filhotes, esses passeios devem ser mais curtos e mais lentos.

Convívio do Cane Corso Com Crianças e Outros Pets

Quando Corsos são bem socializados desde filhotes e crescem junto com crianças, eles podem se dar bem juntos.

Eles amam estar em um ambiente doméstico e estar envolvidos em tudo o que acontece ao seu redor, o que inclui jogar jogos interativos com suas famílias e as crianças.

No entanto, devido ao seu tamanho, qualquer interação entre crianças muito jovens e cães deve ser supervisionada.

O mesmo se aplica com outros animais da casa.

Os Cane Corsos bem socializados geralmente são bons quando se trata de outros cães.

Mas devemos ter cuidado quando eles encontrarem novos cães por causa de seu instinto dominante.

E, também, se um gato ou outro animal decidir fugir deles, um Cane Corso não pensaria duas vezes em persegui-los.

E os resultados poderiam ser desastrosos para o animal em fuga.

Alimentação do Cane Corso

Sabemos que o Cane Corso é um cachorro robusto e forte, portanto, você deve dar conta das suas necessidades nutricionais.

Além do mais, a maneira mais rápida de fazer um cachorro feliz e saudável é por meio de uma alimentação balanceada.

Quer seja uma ração comercial ou uma alimentação natural para cachorros, é importante verificar os ingredientes para saber qual decisão tomar.

Então, se você alimentar seu Cane Corso corretamente, eles serão mais enérgicos, terão menos problemas de saúde e estarão menos propensos ao ganho de peso.

Igualmente, com uma alimentação saudável, sua pele e pelagem também ficarão excelentes, com brilho e maciez, e com certeza ele terá menor queda de pelos.

Então, para garantir todos os nutrientes que o seu Cane Corso precisa, vamos dar uma olhada nas necessidades dele.

Nutrientes Necessários Para o Cane Corso: Como Escolher a Melhor Nutrição

O principal item da dieta de um Cane Corso, assim como de outras raças de cachorros, é a carne.

Da carne são extraídas as proteínas, aminoácidos e uma pequena porcentagem de gordura, as quais ele necessita.

Se você observar no rótulo da sua ração preferida, o primeiro item da lista é geralmente uma proteína.

As fontes de proteína saudáveis e próprias para consumo são a carne, a farinha de carne ou então frango e farinha de frango.

Recuse as formulações com farinha de penas, farinha de ossos, farinha de carne e ossos, farinha de subprodutos, farelo de milho, farelo de soja, soja, trigo ou milho.

A porcentagem de proteínas para um Cane Corso pode variar de acordo com a idade:

  • para um Cane Corso adulto é de 22 a 26% de proteína
  • para um Cane Corso filhote, de 24 a 28% de proteína

Certifique-se que seu Cane Corso está consumindo essa quantidade de proteínas para que ele desenvolva uma boa saúde.

Um bom nível de proteínas na dieta também ajudará a evitar o sobrepeso, uma vez que a alimentação com proteínas favorece o metabolismo e evita o acúmulo de gorduras.

Falando em gorduras, esse é o segundo nutriente necessário na dieta do seu Cane Corso.

A gordura é uma fonte de energia principalmente para filhotes, que estão em fase de crescimento.

Assim como as proteínas, filhotes necessitam de maior nível de gorduras, em torno de 14 a 18%, quando para um adulto é de 12 a 16%.

Assim como falado neste artigo sobre os Labradores Retrievers, todos os cachorros não necessariamente precisam de carboidratos em suas dietas.

Os alimentos do seu Cane Corso nunca devem conter conservantes químicos, açúcar ou corantes artificiais.

Preço de um Filhote de Cane Corso

Essa é uma dúvida frequente de muitas pessoas que estão em busca do seu filhote perfeito.

O preço de um filhote de Cane Corso pode variar absurdamente de um criador para outro.

Algumas variáveis que compõem o preço de um filhote, seja ele Cane Corso ou de outra raça, são:

os custos que o criador tem para adquirir e para manter as matrizes;

os custos de todos os cuidados dispensados para produzir uma ninhada;

os custos com veterinários e outros profissionais envolvidos.

Ou seja, quanto maior o nível de profissionalismo e cuidados com todos os animais envolvidos, maior é o preço de um filhote.

Em contrapartida, infelizmente, existem criadores que mantêm seus cães em situações de vida insalubres e, por isso, têm um preço mais baixo.

Fuja deles.

Essas questões não são a regra. Por isso, é totalmente indicado que você pesquise a fundo como são as condições de criação e a reputação desse criador de cães.

Faça várias visitas ao canil, de preferência sem hora marcada para certificar de que está fazendo uma escolha certa.

Em nossa pesquisa encontramos preços de Cane Corso entre R$1.500,00 a R$10.000,00.

Conclusão

Agora que você já sabe tudo sobre seu Cane Corso, queremos saber como é seu convívio e de sua família com essa raça incrível.

Compartilhe conosco suas experiências com seu(s) Cane Corso(es) deixando um comentário.

Além disso, também criamos uma hashtag perfeita para você e seu Cane Corso.

Publique no seu Instagram uma foto do seu Cane Corso com a seguinte hashtag #canecorsosincriveis.

Você poderá ter uma foto do seu Cane Corso aqui, neste artigo!

Nos ajude também a compartilhar essas informações e ajudar centenas de milhares de pessoas com seus Cane Corso.

Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais.

Um AUbraço e até o próximo artigo!