cachorro pode comer feijão 1

Hoje vamos falar sobre o feijão, mais especificamente vamos descobrir se cachorro pode comer feijão!

Cães adoram comida humana e nem sempre isso significa que isso é bom para eles.

Neste contexto, será que feijão é bom para cachorro?

Esta é uma questão importante a ser feita.

Feijões fazem parte da mesa do brasileiro, diariamente.

E nós sabemos que o feijão é um alimento altamente nutritivo para humanos.

Mas será que ele também é nutritivo para as necessidades do seu cachorro?

Fora isso, sabemos que existem muitos tipos diferentes de feijão.

Será que todos os tipos de feijão são seguros para seu cachorro.

Estas e outras questões que vamos descobrir neste artigo completo que preparamos para que você saiba se cachorro pode comer feijão.

Vamos lá?

Neste artigo você vai aprender:

Como você já deve ter imaginado, sim, cachorro pode comer feijão.

Este é um alimento seguro para cães desde que oferecido com moderação.

O feijão é uma leguminosa bastante nutritiva, ele é rico em proteínas, vitaminas e minerais.

Este alimento também é uma fonte significativa de fibras, o que pode ajudar a regular o açúcar no sangue canino.

Dito isto, saiba que embora o feijão possa ser uma ótima fonte de fibras e proteínas, vitaminas e minerais benéficos, eles não devem ser usados ​​como substitutos da proteína animal.

Mas pode ser interessante utilizar o feijão como complemento na dieta do seu cachorro.

Outra coisa importante é saber quais tipos de feijão são seguros para o seu cão comer.

Os tipos de feijão característicos do Brasil que podem ser consumidos por cães são:

  • Feijão Fradinho
  • Feijão Preto
  • Feijão Branco
  • Feijão Bolinha
  • Feijão Carioca
  • Feijão Vermelho

Os tipos de feijão que você deve evitar dar para seu cachorro são:

  • Feijão Fava
  • Feijão Enlatado
  • Feijão cozido feito para consumo humano (para dar ao seu cachorro faça separadamente)

E nunca, nunca dê feijões crus para seu cachorro.

>> Veja também Cachorro Pode Comer Arroz?

Existem muitas características nutricionais presentes neste alimento que podem beneficiar nossos cães.

O feijão contém grandes quantidade de antioxidantes que os ajudam a se livrar dos radicais livres e diminuir os níveis de colesterol.

Este alimento também é rico em fibras, o que ajuda a prevenir a constipação, melhorar o movimento do intestino e limpar o cólon.

E como já dissemos acima, as fibras podem ajudar a regular o nível de açúcar no sangue do seu cão, o que reduzirá o risco de diabetes.

O feijão também contém boas quantidades de proteínas, e este nutriente é essencial para o cão.

Além de todos estes benefícios citados acima, o feijão contém vitaminas e minerais essenciais, como vitaminas do complexo B, Potássio, Magnésio, Ferro e Folato

Listamos abaixo alguns benefícios destas vitaminas e minerais:

As vitaminas do complexo B desempenham um papel importante para manter o corpo funcionando como máquinas bem lubrificadas.

Estes nutrientes essenciais ajudam a converter os alimentos em combustível.

O potássio é um nutriente essencial para a saúde do coração do seu cachorro. No caso de falta de potássio, seu cachorro corre o risco de sofrer um ataque cardíaco ou ter insuficiência cardíaca.

O magnésio é um metal alcalino terroso conhecido na nutrição como um elemento essencial devido à grande quantidade necessária ao organismo, isto é, não pode faltar!

O magnésio é um dos elementos constituintes do esqueleto, fornecendo a consistência rígida.

O magnésio também é essencial para o bom funcionamento das transmissões nervosas e contrações musculares.

O Ferro é um nutriente essencial para o organismo. Ele é responsável pela formação da hemoglobina, elemento essencial para transportar oxigênio por todo o corpo, inclusive para o coração.

Folato é o termo utilizado para designar o ácido fólico e os sais (os folatos).

As principais funções dos folatos para a saúde constituem-se na síntese dos ácidos nucleicos (que constituem o DNA).

Os folatos são também necessários para a produção de hemoglobina do sangue e outros processos fisiológicos.

A maioria dos efeitos colaterais reais característicos da alimentação do seu cão com feijão estão relacionados com gastro-intestinal.

Os cães são propensos a desenvolver gases e inchaço quando comem muitos feijões.

Estes gases também podem levar à constipação.

E por isso sempre aconselhamos que você dê este alimento com moderação.

É super importante também que você procure um médico veterinário para te orientar em relação às quantidades corretas.

Se você decidir incorporar feijões na dieta do seu cachorro, certifique-se de nunca usar feijão cru ou enlatado.

Feijões enlatados contêm excesso de sódio e conservantes que são muito ruins para a saúde do seu cachorro.

Não oferecer o feijão feito para consumo humano.

Nosso feijão geralmente é temperado com temperos bons para humanos e ruins para cães, como alho, cebola ou até mesmo pimentas.

O feijão pode ser incorporado a alimentação natural caseira para cães ou então, eventualmente, servido como petisco.

Falando em petiscos, aproveite e conheça nosso curso de PETISCOS SAUDÁVEIS!

Este curso é incrível para você que quer dominar a arte de fazer petiscos incríveis (e até mesmo ganhar uma renda extra com isso)!

Clique Aqui Para Conhecer o Curso

 

Neste curso você vai aprender passo a passo receitas de petiscos saudáveis extremamente recomendados para seu cachorro.

São receitas fáceis de fazer e seu cachorro vai adorar.

Importante: Nosso conteúdo é produzido por profissionais veterinários e tem caráter informativo.

Mas existem algumas questões particulares ao seu cachorro que você SEMPRE deve entrar em contato com o seu veterinário de confiança.

Portanto, de nenhuma forma, substitui a orientação de um médico veterinário.

Sempre que o seu cachorro apresentar sinais anormais, leve-o ao médico veterinário.

Esperamos que neste artigo você tenha encontrado todas as informações que procurava.

Afinal, a saúde do seu cachorro é muito importante para nós.

Então, se você gostou deste artigo, nos ajude a distribuir estas informações compartilhando este artigo com seus amigos e nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar um comentário abaixo para que possamos saber se você está gostando dos nossos conteúdos!

Compartilhe suas experiências conosco!

Até o próximo artigo!

Um AUbraço