Cachorro pode comer alface?

É o que vamos descobrir neste artigo sobre o assunto.

Afinal, a saúde do seu cachorro começa pela alimentação.

E já que a alface é uma das hortaliças mais comuns na salada do brasileiro (e no sanduíche também), precisamos ter a resposta para essa pergunta.

Pois, na salada ou no sanduíche, não importa, comemos alface de várias maneiras, mas será que a alface é boa para os cães?

Para nós humanos, as hortaliças verdes folhosas são um dos vegetais mais saudáveis ​​e nutritivos, mas é o mesmo para cães?

Então continue lendo e veja o que você vai aprender:

Faça uma salada com um pouco de alface ou coloque um pouco das folhas em um sanduíche que você está preparando.

Então, olhe para o lado, e você pode encontrar seu filho de 4 patas ao seu lado, querendo comer com você!

Acredite ou não, caninos realmente gostam de comer alface, mesmo em sua forma mais simples e sem mais nada para comer junto com ele.

Então em geral, sim, cachorro pode comer alface.

A alface é a hortaliça mais amplamente consumida de todas as folhas verdes que nós humanos comemos.

E ela é de fato segura para cães.

Qualquer tipo de alface, seja ela crespa ou americana, é segura e não contém nada que possa realmente prejudicar o seu cão.

E nenhuma delas apresenta nenhum tipo de risco de toxicidade para o seu cão.

No entanto, alimentar seu cachorro com estas folhas verdes não é algo que você vai querer fazer com muita freqüência.

Pois a alface não é exatamente o mais fácil dos vegetais para o seu cão para mastigar corretamente e digerir.

Mas dar um pouco de alface ao seu cachorro, sem exagero, pode ser benéfico.

Quando comparado com outras folhas verdes, uma alface é um pouco mais pobre em termos de nutrientes, mas isso não significa que não haja nutrientes.

Por exemplo, a alface está repleta de Vitamina A, Vitamina C, e juntamente com Folato, Ferro, Potássio e Magnésio.

A alface também contém beta-caroteno e fibras que podem ajudar a aliviar a constipação ou outros problemas digestivos.

Além disso, a alface é formada por 90% de água.

Por esses motivos, a alface é um lanche de baixa caloria que pode ser um bom petisco para um cachorro com excesso de peso.

Listamos Alguns Benefícios Destes Elementos

A vitamina A é essencial para a saúde do seu cachorro, assim como é boa para a pele e pelos.

Ela exerce várias funções no organismo, como produção de hormônios e proteínas.

A vitamina C atua no sistema imunológico e é um excelente antioxidante, retardando o envelhecimento precoce, pois combate a degeneração celular.

A vitamina C também melhora o aspecto da pele e o funcionamento das articulações, pois participa na produção de colágeno.

Folato é o termo utilizado para designar o ácido fólico e os sais (os folatos).

As principais funções dos folatos para a saúde constituem-se na síntese dos ácidos nucleicos (que constituem o DNA).

Os folatos são também necessários para a produção de hemoglobina do sangue e outros processos fisiológicos.

O Ferro é um nutriente essencial para o organismo. Ele é responsável pela formação da hemoglobina, elemento essencial para transportar oxigênio por todo o corpo, inclusive para o coração.

O potássio é um nutriente essencial para a saúde do coração do seu cachorro. No caso de falta de potássio, seu cachorro corre o risco de sofrer um ataque cardíaco ou ter insuficiência cardíaca.

O magnésio é um metal alcalino terroso conhecido na nutrição como um elemento essencial devido à grande quantidade necessária ao organismo, isto é, não pode faltar!

O magnésio é um dos elementos constituintes do esqueleto, fornecendo a consistência rígida.

O magnésio também é essencial para o bom funcionamento das transmissões nervosas e contrações musculares.

O betacaroteno é um pigmento antioxidante presente na melancia. Essa substância é que dá a cor característica da fruta.

Sua atividade antioxidante ajuda a proteger as células dos efeitos nocivos dos radicais livres (que são moléculas que de certa forma contribuem para o envelhecimento)

Os cães podem amar a parte mais macia da folha ou preferir a sua parte mais crocante.

Mas, faça um grande favor ao seu cão, garantindo que a alface esteja limpa e livre de produtos químicos.

Você também pode cortar a alface em pedaços ou dar folhas menores para diminuir os riscos de asfixia e para garantir que seu cão irá mastigar corretamente.

Como já dissemos, a alface pode ser um lanche de baixa caloria que pode ser um bom petisco para um cachorro com excesso de peso.

No entanto, esteja ciente de que só porque o seu cão pode comer alface não significa que você deve dar a ele a sua salada inteira.

Alguns outros ingredientes, como cebolas, podem ser tóxicos.

E, falando em petiscos, aproveite e conheça nosso curso de PETISCOS SAUDÁVEIS!

Este curso é incrível para você que quer dominar a arte de fazer petiscos incríveis para seus cães (e até mesmo ganhar uma renda extra com isso)!

Clique Aqui Para Conhecer o Curso

Neste curso você vai aprender passo a passo receitas de petiscos saudáveis extremamente recomendados para seu cachorro.

São receitas fáceis de fazer e seu cachorro vai adorar.

Importante: Nosso conteúdo é produzido por profissionais veterinários e tem caráter informativo.

Mas existem algumas questões particulares ao seu cachorro que você SEMPRE deve entrar em contato com o seu veterinário de confiança.

Portanto, de nenhuma forma, substitui a orientação de um médico veterinário.

Sempre que o seu cachorro apresentar sinais anormais, leve-o ao médico veterinário.

Esperamos que neste artigo você tenha encontrado todas as informações que procurava.

Afinal, a saúde do seu cachorro é muito importante para nós.

Então, se você gostou deste artigo, nos ajude a distribuir estas informações compartilhando este artigo com seus amigos e nas suas redes sociais.

E não se esqueça de deixar um comentário abaixo para que possamos saber se você está gostando dos nossos conteúdos!

Compartilhe suas experiências conosco!

Até o próximo artigo!

Um AUbraço